mobile porn porn video teen porn porn site XXX Porn Free porn videos Xnxx

CULTURA

Era uma vez o Quinto…

Era uma vez o Quinto…

Papéis e papelinhos

Da arca de Pessoa

Quem pediu para os editar?

 

Papéis e papelinhos

Da Arca da Aliança

São o sonho telúrico

Que vai da Terra ao Mar.

 

Quem será o Almirante

Quem largará as amarras,

Indo ao fim do subsolo,

Descobrindo lá o Mar?

 

Quem será o Almirante

Tendo as trevas como mapa

Que se irá aventurar;

Tendo uma pá de pedreiro,

Para alisar as marés

Do inconsciente inteiro

Da Humanidade sem verbo?

 

Quem será o Almirante,

Que irá à descoberta

Com um fósforo que acende

Um sopro de vela no escuro;

Esperando ventos amenos

Que abram no nevoeiro,

Um horizonte sem medos?

Deixem os papéis na Arca,

Deixem as estrelas dormir,

Que o sonho é o novo Reino

Que anunciará o Devir.

 

Quem fizer do O um S,

Quem fizer do S um oito,

Adormecendo esse oito

Navegará infinitos.

 

Quem terá as sete chaves

Para as sete portas abrir?

 

Quem cantará como galo,

Quem tocará como pêndulo

Essa hora do Devir?

Hora da morte de Roma,

Do nascimento do Amor,

Hora da mãe Terra acordar

Sua gravidez profunda,

Germinando semente,

Trigo vertido das águas

Rio sem margens feito mar.

 

Quem terá as sete chaves

Para as sete portas abrir?

 

Chegou a hora do verbo,

Do verbo ser Português,

Chegou a hora do quinto,

Do quinto era uma vez…

01.08.2016

João Camacho

 

 

 


Partilhar

Adicionar comentário


Código de segurança
Actualizar

Está em... Home Cultura Era uma vez o Quinto…