Partido

Os Anticomunistas Primários

 

Arnaldo Matos

   Eu não vos dizia que eram anticomunistas primários?! Pois agora até os próprios já se reconhecem pelo menos como anticomunistas, ainda que rejeitem o qualificativo de primários, talvez por entenderem que um anticomunista consciente, digamos assim, seria mais inteligente que um anticomunista primário. Mas a verdade é que não é; um anticomunista consciente é mais burro que um primário…

   Há pouco mais de dois anos, em Outubro de 2015, encetámos uma longa guerra para escorraçar do nosso Partido o liquidacionismo e os liquidacionistas, limpando das nossas fileiras um grupelho anticomunista primário, encabeçado pelos traidores e oportunistas Garcia Pereira, Conceição Franco e Domingos Bulhão.

   Bulhão, dedica-se agora a gastar o dinheiro na batota do Casino de Lisboa; Garcia Pereira a angariar clientes pela província; e Franco a tentar entender o que se passou com os seus amigos que aderiram ao PS.

   Inicialmente, este grupelho, que suspendemos e se afastou da actividade partidária, contra-atacava-nos como se fosse ele o agrupamento dos verdadeiros comunistas. Hoje, porém, muito embora continue a nossa luta contra o liquidacionismo e os liquidacionistas, já nenhum deles se arroga de marxista ou se reclama do comunismo, da revolução proletária ou do partido do proletariado.

   Limitam-se ao insulto pessoal ao Partido, aos seus dirigentes e aos seus militantes, à injúria ao movimento operário, mas desarmaram por completo no campo da luta teórica e da luta ideológica.

   Alguns reconhecem até que nunca foram comunistas, como é o caso do oportunista Laires, hoje autarca no PS, e outros que acham que o comunismo é uma “ doença de que se curaram”…

   Estão nesta última posição uns quantos oportunistas como Rui Miguel Veiga Coelho, antigo profissional do Luta Popular Online.

   Este canalha – sem princípios, sem carácter e sem vergonha- desertou do Luta Popular Online e juntou-se ao grupelho anticomunista primário de Garcia Pereira, com o qual se uniu para insultar e provocar o PCTP/MRPP, os comunistas, os marxistas, os operários e a revolução proletária.

   O garoto Miguel não guarda na cabeça o mínimo sentimento de consideração e respeito pelo Partido comunista em que lutou o seu Pai, o taxista Rui de Paiva Coelho, infelizmente falecido, comunista que dedicou, até morrer, a sua vida e amor ao Partido, e de quem o Partido não se esquecerá nunca.

   Ora, o sobredito Miguel assina debaixo de pseudónimo um tuíter com esta justificação: ” já fui comunista, mas curei-me dessa doença.” E como se curou dessa doença, o tuíter destina-se a insultar-me pessoalmente, a insultar o Partido de seu Pai e a injuriar as nossas e os nossos militantes.

   Ideias políticas não tem o garoto, que pudessem ser discutidas. Então escreve coisas como esta: “Arnaldo Matos a distribuir propaganda e agitação? Não devo estar a ver bem! Será que agora já não achas que os operários “ cheiram mal” como tanto gostas de dizer?”

   Pois é! Tenho pena do Pai e da Mãe desse garoto sem escrúpulos: do Pai, porque infelizmente já morreu e não chegou a conhecer o canalha, cobarde e mentiroso, do filho que teve; e da Mãe, porque infelizmente está viva, e vai ficar a conhecer o canalha, mentiroso e cobarde, do filho que tem.

   Pobres Pais!

 

         07MAR18

 

Partilhar
Está em... Home Partido Os Anticomunistas Primários