mobile porn porn video teen porn porn site XXX Porn Free porn videos Xnxx

Partido

JANTAR DA CANDIDATURA DE BRAGA
O Reforço do Partido e o Apelo à Esquerda

2015-09-25-guimaraes01Ontem, dia 26 de Setembro, em Guimarães, realizou-se um jantar da candidatura de Braga, que contou com a presença do camarada Arnaldo Matos, de vários candidatos, militantes, simpatizantes e amigos do Partido.

Com a sala completamente cheia, e num ambiente de grande entusiasmo e mobilização em torno da candidatura, que aglutina vários sectores da sociedade unidos pela inadiável necessidade de lutar contra as políticas reaccionárias dos sucessivos governos que têm conduzido o nosso País a um estado de fome, de miséria e de total perda de soberania.

Esta vontade de lutar está bem presente na intervenção do camarada José Machado – primeiro candidato por Braga-, quando apela a que “devemos ousar levantar a nossa voz, pela justiça social, pela solidariedade humana. Devemos exigir que em Portugal os nossos operários não tenham salários pequenos e horários grandes”.

Na sua intervenção, o camarada José Machado fez uma análise do País, referindo-se ao desemprego que lança os nossos jovens para a emigração, à situação em que encontra a educação, à condição dos nossos reformados e pensionistas, ao Sistema Nacional de Saúde, às privatizações, à dívida, à censura e discriminação de que é alvo o Partido pela imprensa burguesa, apelando a que não nos deixemos vencer por todas estas injustiças e formas de autêntica destruição.

A noite ficou marcada pela importantíssima intervenção política do camarada Arnaldo Matos, fundador do Partido, que considerou estar a celebrar-se verdadeiramente, naquela sala, os 45 anos da fundação do Partido, ao mesmo tempo que salientou a necessidade de se criar um movimento que reforce o Partido, e que encontra na candidatura de Braga o exemplo do caminho a seguir. O nosso Partido não pode esquecer que é um Partido Comunista, “que luta por uma sociedade de iguais, que luta contra a exploração do homem pelo homem e que não é um partido eleitoralista”.

O camarada manifestou o seu apoio a José Machado e aos seus apoiantes, acentuando que um dos objectivos da constituição da candidatura do Partido a estas eleições é contribuir para o reforço do mesmo, sem deixar de acentuar que este é um partido comunista, “o partido da classe operária, o partido dos proletários”. Foi desmontado o significado da farsa eleitoral, alertando para que “a primeira aliança que vai haver depois das eleições, quer ganhe o PS, quer ganhe o PSD/CDS é a aliança entre o PS e o PSD/CDS”.

Em seguida, o camarada fez uma brilhante análise da situação política actual, referindo as piruetas dos partidos que se apresentam como partidos de esquerda, desde o P”C”P com os seus sindicatos, do BE que quer chegar ao poder no regaço do PS, do real e perigoso significado da abstenção, das lições a retirar do caso da Grécia. A dívida, a emigração, a pobreza, o desemprego, a saída do euro, a criação do escudo novo foram temas também presentes e explicados nesta sua intervenção que passamos a reproduzir integralmente.




 

 

 

 

Partilhar

Adicionar comentário


Código de segurança
Actualizar

Está em... Home Partido Jantar da Candidatura de Braga - O Reforço do Partido e o Apelo à Esquerda