EDITORIAL

Homenagem a João Camacho

Arnaldo Matos

 É já no próximo sábado, depois de amanhã, dia 24 de Fevereiro de 2018, que se promoverá, na sede do Partido na Avenida do Brasil, em Lisboa, a Sessão de Homenagem ao camarada João Camacho, membro do Partido durante mais de quarenta anos, participante no Congresso da Fundação, em 26 de Dezembro de 1976, e membro do seu Comité Central.

A sessão será presidida pela camarada Lurdes Camacho, companheira de uma vida de João Camacho, a quem pedimos que estivesse presente e presidisse à sessão de homenagem e encerrasse o evento.

Com a Sessão de Homenagem ao camarada João Camacho, o nosso Partido retoma uma tradição de homenagem pública aos companheiros mortos, que começou em 1972, com a homenagem a Ribeiro Santos e continuou em 1974, com a morte num acidente de viacção que vitimou, perto de Águeda, o camarada José Maria Martins Soares, um dos responsáveis pela actividade cultural do Partido.

Os liquidacionistas do grupelho de Conceição Franco e Garcia Pereira, anti-marxistas e anti-comunistas primários, puseram termo a essa tradição revolucionária.

As sessões públicas de homenagem aos companheiros mortos devem ser promovidas pela célula do Partido a que o falecido pertenceu, e destinam-se a aprender com os exemplos da sua vida e da sua luta, nas lições que nos deixou.

Estarão presentes camaradas da Madeira e dos Açores, que privaram de perto com João Camacho na Organização do I Congresso Regional dos Açores, onde Camacho, apesar de gravemente enfermo, não deixou de dar a todos os camaradas açorianos um exemplo inesquecível de coragem e dedicação, que a todos comoveu profundamente.

Na sessão de homenagem ao camarada João Camacho, vão usar da palavra os camaradas e as camaradas abaixo designados e pela ordem indicada:

  1. Carlos Paisana, secretário da célula Martins Soares, da Sede Nacional;
  2. Zita Matos, da Organização do Partido na Madeira;
  3. Pedro Pacheco, secretário regional dos Açores;
  4. Ludovina Gomes, Comité do Partido na Ilha Terceira;
  5. José Cruz, secretário regional do Partido no Maciço Central;
  6. Fernando Firmino, secretário regional de Setúbal;
  7. Maria Paula, em representação das brigadas de reorganização do Partido;
  8. Cidália Guerreiro, em representação da organização do Partido no distrito de Lisboa;
  9. Arnaldo Matos, fundador do Partido;
  10. Lurdes Camacho, companheira de João Camacho.

A sessão de homenagem ao camarada João Camacho é pública, aberta portanto aos militantes e simpatizantes do Partido e a todos os elementos do povo que nela desejarem participar.

Por isso, convidamos todos quantos entenderem dever participar na sessão.

         22FEV18

Partilhar
Está em... Home Editorial Homenagem a João Camacho